É Hora de Unir Forças! 6 Dicas Para Superar a Crise

Superação
Melhoria e Progresso, peixe pulando para fora do aquário

Sabemos que lidar com a crise não é fácil e, com uma pandemia que vêm atingindo milhões de pessoas em todo mundo, pode parecer difícil manter a força e o equilíbrio emocional.

Se você tem uma empresa, certamente está se deparando com inúmeras situações e impactos negativos no seu negócio. Entretanto, não é hora de abandonar e desistir de tudo que conquistou até hoje.

Apesar de não existir uma fórmula mágica que possa ser aplicada para todas as empresas, existem posturas que podem ser adotadas por todos.

Você sabia que pode influenciar positivamente os outros e mudar a realidade só com a forma que você enxerga as coisas? Olhar por um ângulo mais promissor e começar a enxergar oportunidades em momentos desafiadores faz toda a diferença. 

Afinal, sabemos que só sobrevive quem se adapta, é a teoria da seleção natural de Darwin, nunca mudou, nem nunca vai mudar. Então, levante a cabeça e vamos em frente. Juntos podemos muito!

Qual Deve Ser o Comportamento do Gestor?

Neste momento, o comportamento do gestor é essencial para motivar os funcionários e manter a organização da empresa em dia.

Adotar ações práticas no dia a dia ajuda a manter a mente focada no essencial, no que realmente importa e com visão de futuro. Siga essas dicas abaixo!

1- Se Adapte

Quando o mundo lá fora está caótico, precisamos procurar organizar as coisas onde podemos, ou seja, no local de trabalho. Fazer com que a sua organização trabalhe de forma harmoniosa e sincronizada, mesmo em modelo home office é importante.

Demonstre calma, empatia e assertividade nas resoluções. Quando o momento é delicado você não quer – e nem deve colocar mais pressão sobre a sua equipe. Procure conversar de igual para igual, deixando hierarquia e ego de lado para oferecer um clima mais leve para todos. 

Esteja aberto para ouvir todas as ideias, as novas propostas e soluções, bem como as dificuldades que o seu time vem enfrentando. Esteja presente e não se esqueça dos valores que movem a sua empresa.

Os maiores êxitos profissionais devem-se à habilidade para dirigir as pessoas.

Dale Carnegie

2- Seja Resiliente

Não adianta ser cabeça dura em momentos de crise. Esse momento exige flexibilidade e alto grau de resiliência. 

Você precisa aceitar que as coisas não serão as mesmas de antes, o cenário mudou, bem como o comportamento do consumidor e toda a dinâmica de relações. Você precisa seguir o barco e ser firme para sobreviver à turbulência. 

Quanto antes você aceitar e seguir em frente, melhor para sua empresa. Lembre-se de valorizar as ações dos seus colaboradores, enfatizando cada contribuição e conquista.

3- Acredite e Seja Confiante

Pense comigo: se você não acreditar no seu negócio, como seus funcionários vão acreditar? E, pior, como eles vão encontrar motivação para levantar da cama e trabalhar todos os dias nesse momento de incerteza? 

Procure passar mais segurança para seus funcionários. Não fale apenas por falar, da boca pra fora… Procure ações concretas que possa inspirar a todos. 

Se você não estiver motivado e inspirado, procure dentro de você o que pode te ajudar, para depois poder ajudar os outros.

4- Desenvolva um Plano de Combate

Se apegar a achismos e crenças deturpadas não levará a nada. Que tal você desenvolver um plano de combate? Uma solução prática pode te ajudar a você se apegar a algo concreto.

Se você nunca desenvolveu nada do tipo para sua empresa, é hora de começar. Se baseie em dados reais e análises de mercado, pesquisas atualizadas para criar estratégias e soluções que se apliquem em diferentes cenários que podem afetar a sua empresa. 

Uma pesquisa da PWC revelou que 75% das empresas que criaram um plano de contingência conseguiram superar momentos críticos e tiveram mais agilidade e assertividade para resolver problemas. 

5- Comunique-se Com Transparência

Adotar uma postura de transparência é ainda mais importante nesse momento. Não esconda nada da sua equipe, informe constantemente sobre a situação real da empresa, seja para os colaboradores, clientes e parceiros de negócio.

Com isso, você se mostra honesto e evita preocupações, incertezas e ansiedade desnecessárias da sua equipe. Procure tranquilizar os funcionários, caso a situação esteja controlada e positiva.

Da mesma maneira, se a situação não for das melhores, você deve comunicar também para que todos estejam preparados e possam se planejar para um cenário mais instável.

Converse com os clientes sobre os contratos e quem sabe possa negociar prazos e entregas de acordo com cada necessidade. 

6- Tenha Visão de Longo Prazo

Por mais que pensar em ações para implementar agora seja importante, você também deve estar olhando lá na frente. Veja como a crise pode impactar seu negócio nos próximos meses e até mesmo anos e tome medidas para se antecipar a possíveis problemas. 

Isso pode envolver a alocação de recursos dedicados que serão liberados das pressões diárias do gerenciamento da crise.

Se você não tiver surpresas no meio do caminho, fica bem mais fácil administrar seu negócio e gerenciar sua equipe. Procure manter sua empresa forte e sustentável para diminuir as consequências. 

A resposta a uma crise é geralmente medida em meses, enquanto a recuperação é medida em anos. Agora é o momento de pensar nos cenários para criar um plano adequado para os seus negócios. 

A melhor maneira de nos prepararmos para o futuro é concentrar toda a imaginação e entusiasmo na execução perfeita do trabalho de hoje.

Dale Carnegie

Não hesite. Agora é hora de agir rapidamente e de forma decisiva. Vamos juntos!

Vinícius Eugênio
CEO da EXXPRESS CRACHÁS

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *